Como deixar de ser a outra - Como deixar de ser amante

Na condição de amante nós podemos encontrar um homem ou uma mulher. Neste artigo vou escrever para ambos.

Se você que está vivendo essa situação de amante, e está querendo sair dela é porque a Santíssima Trindade já tocou o seu coração. Isso é um fato. Se isso não tivesse acontecido você ainda estaria vivendo essa louca aventura com toda a sua energia.

Que esse tipo de situação é contrária a vontade de Deus eu tenho certeza que você já sabe. Talvez o que você não saiba é como essa situação trás, não só para a sua vida, como também para a vida da outra pessoa envolvida, terríveis e gravíssimas consequências físicas, emocionais e espirituais. E não há como uma relação como essa ser bem sucedida porque já nasceu amaldiçoada. Não tem como você ser feliz fazendo o mal. Deus não destrói uma família para construir outra.

Se a Santíssima Trindade já tocou o seu coração, e ela colocou aí dentro dele essa necessidade de você deixar essa vida, então agora, chegou a hora de você agir. Chega de emoção. Vamos usar a razão e fazer o que tem que ser feito. Vou dar para você algumas dicas preciosas, Vamos lá:
Antes de passar essas dicas eu gostaria que você meditasse um pouquinho na cena do nosso Senhor Jesus Crucificado. Imagine o quanto Ele deve sofrido com toda aquela humilhação, abandono, injustiça e toda espécie de sofrimento emocional e físico. Certamente doeu muito. Muito mesmo. Ele fez aquele sacrifício de amor por mim e por você. Por todos nós. Ele sofreu para que eu e você tivéssemos uma vida feliz e plenamente realizada.

Muito bem. Vamos às dicas:

1 – Pense sempre coisas positivas. Viva sempre coisas positivas. Diga para você: Eu sou do bem. Eu faço o bem. Eu vivo e faço o bem, e não quero o mal para ninguém. Você é uma filha, um filho de Deus. Você não nasceu para viver do resto de ninguém. Deus tem o melhor para você. Ele fez você para ser cabeça e não cauda.  

2 – Hoje, a exemplo do filho pródigo, você está na lama e comendo do resto que os outros dão para você. Mas você não pode esquecer que você tem um Pai que tem o melhor para você. Então, faça como o filho pródigo fez. Erga a cabeça. Tome a atitude certa. Escolha a vida. Escolha a uma vida feliz e plenamente realizada. Deixe o mal, a vergonha, a humilhação e a sujeira e pegue o caminho de volta para a casa. Volte para casa do Pai. Ele está lá de braços abertos te esperando para te dar, não só vestes novas, mas uma vida nova e completamente restaurada. Agora só depende de você. Vamos deixar a emoção de lado e vamos ao que interessa:

3 – Deixe o homem ou a mulher casada. Não o procure mais. Não a procure mais. Seja forte. Seja firme. Sim, você pode. Sim, no nome do Senhor Jesus Cristo, você já venceu essa situação. Você vai sofrer? Claro! E como vai. Vai ser uma dor muito forte. Vai ser duro de suportar a ausência da pessoa com a qual você está se relacionando.

4- Mais vai doer muito? Realmente vai doer muito. Mas tenho certeza que o prazer que você vai sentir ao sair dessa situação vai ser infinitamente maior do que a dor da separação. O prazer que você vai ter ao ver que você fez a coisa certa. Quando você sentir que, por causa do seu sofrimento, você evitou muita dor e destruição. A destruição de uma família ou até mesmo da sua própria vida. Isso vai ser uma grande benção na sua vida.

E como sair?

O Senhor Jesus Cristo nos alertou que, em algumas situações os demônios não deixam a vida de uma pessoa facilmente. O adultério é uma situação de extrema gravidade. Os demônios que atuam nesse campo são muito fortes e eles não desistem facilmente porque essa situação é uma das mais favoráveis para eles. Quando ele conseguem jogar alguém nessa vida, eles não só conseguem destruir a pessoa que está na situação de amante, como também, eles destroem a vida da família envolvida.

E como se libertar dessa situação?

O demônio pode ser forte, mas ele não pode, em hipótese alguma, com o Poder do Senhor Jesus. O Senhor Jesus disse que determinados demônios só abandonam a vida de alguém com jejum e oração. Pelo jejum podemos entender o jejum de alimentos. E também podemos entender como jejum, a privação daquilo que está nos causando o mal. No caso a pessoa casada com a qual há o envolvimento.

Somente se afastando desse relacionamento e procurando uma vida de oração e comunhão com Deus será possível sair dessa armadilha do diabo. Diante disso, primeiramente, o que você deve fazer é não procurar mais a pessoa casada, em segundo lugar procurar uma igreja séria e pedir para que o pastor faça uma oração de libertação sobre a sua vida. Em seguida, procure viver uma vida de comunhão diária com Deus, assistindo aos cultos ou ouvindo a palavra de Deus. Só assim você será liberto ou liberta dessa situação.

Se você acha tudo isso muito difícil, muito dolorido. Lembre-se do grande gesto de amor do nosso Senhor Jesus naquela cruz. Será que a sua dor é maior do que a dEle? O Senhor Jesus sofreu tudo aquilo para que eu e você não sofrêssemos mais. Para que nós fossemos libertos de todas essas armadilhas do diabo. Se você realmente quer sair dessa vida aproxime-se do Senhor Jesus que Ele vai te ensinar os caminhos, e Ele vai te libertar dessa situação. Sozinho ou sozinha você não vai conseguir. Eu repito: Sozinho ou sozinha você não vai conseguir.

Não fique pensando no seu sofrimento. Não fique pensando na sua dor ou nas suas emoções ou em outra coisa qualquer. Pense somente que você, a pessoa com a qual você está se relacionando. e que todos os outros envolvidos merecem uma vida digna, uma vida abundante, feliz e plenamente realizada.

Use a sua fé. Use a sua razão e saia dessa vida. Faça isso que o Pai vai te honrar e vai colocar na sua vida não só uma nova pessoa, mas uma família completamente feliz e abençoada.

Um forte abraço e fique com Deus.

Edilson Rodrigues Silva 

RECEBA, GRÁTIS, MENSAGENS NO SEU E-MAIL

NÃO ENCONTROU? PESQUISE AQUI

Carregando...

JUNTE-SE A NÓS NO G+

CURSOS GRATUITOS

SIGA-NOS E RECEBA AS NOSSAS ORAÇÕES

Arquivo do blog